Confira os resultados do Brasil no quarto dia de competição em Nápoles

Data:

O domingo foi agitado para os atletas brasileiros presentes na Universíade de Nápoles 2019

Confira como foi o desempenho dos atletas brasileiros no último fim de semana na Universíade de Verão, que acontece na comuna italiana de Nápoles.

No domingo, 7, o brasileiro Luís Porto faturou a medalha de bronze no salto sobre a mesa. A seleção brasileira de judô perdeu para a Alemanha na competição por equipes, mas a natação, o futebol e o vôlei garantiram triunfos para a seleção verde-amarela.

- Advertisement -

Ginástica artística

O ginasta Luís Guilherme Porto brilhou no salto sobre a mesa neste domingo (7) na Universíade de Napoli e conquistou a medalha de bronze para o Brasil. O atleta terminou a série com 14.350 – mesma pontuação do segundo colocado – mas devido ao critério desempate, o bielorusso Yahor Sharamkou passou na frente. O sul-coreano Kim Hansol ficou com a medalha de ouro com 14.650.

A medalha encerrou a participação da ginástica artística na competição, que também contou com o atleta Fellipe Arakawa.

Judô

O judô se despede da 30ª Universiade de Verão na disputa por equipes, que aconteceu ontem, 7, no ginásio da Mostra D’Oltremare, em Nápoles.

As equipes masculina e feminina fizeram ótimas lutas hoje e chegaram a disputar o bronze. Os judocas fizeram a última luta contra o Azerbaijão e as judocas perderam para Alemanha.

O judô e a ginástica artística se despedem da Universíade de Napoli, mas o futebol, o vôlei e a natação continuam na disputa! Confira os resultados destas modalidades no quarto dia de competição.

Futebol masculino

Neste domingo (7) a seleção masculina de futebol também entrou em quadra contra a África do Sul pela disputa do primeiro lugar do grupo C. O placar terminou em 3 x 0 para o Brasil.

“O jogo foi muito aberto. Criamos muitas chances de gol e a África também se abriu porque precisava do resultado. Foi um jogo bom, disputado, corrido e muito desgastante”, conta o técnico Ariel Mamede.

Com a vitória, a equipe se classificou em primeiro do grupo por saldo de gols, seguida da França e África do Sul. O time volta a campo na próxima terça-feira (9) contra a Ucrânia, às 15h (horário de Brasília).

Vôlei feminino

Já a seleção feminina de vôlei ganhou da Ucrânia – que já entrou em quadra desclassificada – por 3 x 0 com parciais de 25/22 25/21 25/12.

“Enfrentamos uma equipe que ganhou 2 medalhas na Universíade, uma de prata em 2015 e bronze em 2017. O jogo foi equilibrado, como tinha que ser, como duas grandes equipes”, conta o técnico Fernando Gomes.

No 1º set, a equipe brasileira conseguiu encaixar uma boa sequência de saques, garantindo a primeira parcial. No 2º, o jogo continuou equilibrado, mas, com uma inversão, foi possível abrir novamente uma vantagem e fechar o set.

Para fechar o jogo, Fernando colocou em quadra as reservas que não decepcionaram e ganharam por uma diferença de 13 pontos.

Natação

Na natação, três atletas se classificaram para as finais que acontecem nesta segunda-feira (8). Felipe Ribeiro e Marco Antônio Junior competem nos 100m livre e Giovanna Diamante nos 100m borboleta.

Ainda competem nas semifinais os atletas Iago Moussalem e Pedro Vieira nos 100m borboleta e Andreas Mickosz e Pedro Cardona nos 50m peito.

- Advertisement -
Gabriel Lima
Gabriel Lima
Gabriel Lima é jornalista, formado pela Universidade Federal do Pará. Já participou da cobertura dos Jogos Olímpicos da Juventude em Buenos Aires, 2018. Na ocasião, esteve responsável pelas notícias e atualizações da ginástica artística.

Compartilhe

Recentes