Ultimate magazine theme for WordPress.

A um ano de Tóquio 2020, organizadores revelam medalhas da competição

No marco de um ano para a cerimônia de abertura dos Jogos Olímpicos de Tóquio 2020, o Comitê Organizador do megaevento japonês revelou, nesta quarta-feira (24), o design das medalhas que serão entregues para os melhores atletas do mundo.

Fabricadas a partir de telefones celulares e pequenos dispositivos eletrônicos doados pela população japonesa, as medalhas são produto de um intenso trabalho de reciclagem e 100% sustentáveis. Vencedor de um concurso que envolveu mais de 400 inscrições de escritórios, profissionais e estudantes, o japonês Junichi Kawanishi foi o responsável pelo design.

Os modelos apresentados refletem o conceito de que, para obter a glória, os atletas precisam batalhar pela vitória no cotidiano dos treinamentos. Por isso, as medalhas fazem alusão a pedras brutas que precisam ser polidas incessantemente para obter luz e brilho.

As medalhas de ouro, prata e bronze foram construídas de forma a refletir uma série de padrões de luz, simbolizando a energia dos atletas e das pessoas que dão suporte a eles. O design também pretende simbolizar a diversidade e enfatizar um mundo em que as pessoas que competem nos esportes e trabalham duro são honradas. O reflexo proporcionado pelas medalhas pretende indicar, ainda, o brilho da amizade e da união entre pessoas de todo o mundo.

Havia alguns requisitos pré-estabelecidos para a confecção das medalhas. Elas deviam trazer a imagem da deusa grega da vtiória, Nike, em frente do estádio Panatenaico, na Grécia, numa referência à origem dos Jogos Olímpicos, na antiguidade. Outras obrigatoriedade eram trazer o nome oficial dos Jogos Olímpicos de Tóquio 2020 e o símbolo dos cinco aros olímpicos.

As medalhas de ouro, prata e bronze têm 85mm de diâmetro. A parte mais fina de cada uma delas tem 7,7 milímetros de espessura e a mais grossa, 12,1mm. A medalha de ouro pesa em torno de 556g e contém seis gramas do metal revestindo uma base feita em prata. As medalhas de prata pesam 550g e são 100% de pura prata. As de bronze pesam em torno de 450 gramas e têm em sua composição 95% de cobre e 5% de zinco.

A um ano de Tóquio 2020, organizadores revelam medalhas da competição

Caixinhas únicas

A fita da medalha traz as marcas dos Jogos Tóquio 2020 numa apresentação moderna e pretende ser o reflexo do Japão atual, numa demonstração de unidade na diversidade. O design também promove uma das visões da organização, de inovação a partir da harmonia. A confecção adotou fibras de poliéster quimicamente reciclados que produzem menos emissões de gás carbônico durante a manufatura.

As caixas em que as medalhas serão guardadas pelos atletas também receberam atenção especial. Inspiradas nos emblemas dos Jogos Olímpicos de Tóquio, cada “case” será criada de forma artesanal, com uma mistura de técnicas tradicionais e modernas. Os padrões de fibra de madeira aplicados terão sutis diferenças entre si. A intenção é enfatizar que cada conquista, de cada atleta, tem uma história particular.

A um ano de Tóquio 2020, organizadores revelam medalhas da competição

Leia também

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Ao continuar usando este site, você concorda com a utilização de cookies. AceitarLeia mais