Now Reading
Custos das cerimônias de Tóquio 2020 aumentam 40%




Custos das cerimônias de Tóquio 2020 aumentam 40%

Tóquio 2020 afirmou que as cerimônias serão 40% mais caras

Mansai Nomura é o principal diretor de criação das cerimônias de abertura e encerramento das Olimpíadas e Paralimpíadas

Os custos com as cerimônias de abertura e encerramento dos Jogos Olímpicos de Tóquio, em 2020, subiram cerca de 40%, segundo Toshiro Muto, presidente do Comitê Executivo (CE) dos jogos.

Em reunião, nesta sexta feira (15), Muto informou que o custo para as cerimônias aumentou para 13 bilhões de ienes, cerca de R$ 437 milhões. Em 2013, quando Tóquio conquistou o direito de sediar o evento, o custo estimado era de 9,1 bilhões de ienes – cerca de R$ 304 milhões -, o que representa um aumento significativo nas despesas do Comitê Organizador.

Apesar do aumento, o presidente disse que o orçamento operacional privado de 600 bilhões de ienes – aproximadamente R$ 21 bilhões – permanece inalterado. Ele afirmou também que há um fundo reserva para aumentos como esse.

“Usando os Jogos Olímpicos de Londres como modelo, acho que esse é o mínimo que precisamos gastar para realizar o trabalho”, declarou Muto.

Tóquio está gastando, pelo menos, R$ 74 bilhões de reais para preparar a cidade para a competição. Excluindo os gastos operacionais, o restante é de responsabilidade dos governos nacional, municipal e regional.

Mansai Nomura, renomado ator do teatro tradicional japonês, é o principal diretor de criação das cerimônias de abertura e encerramento das Olimpíadas e Paralimpíadas do próximo ano.

A cerimônia de abertura das olimpíadas de Tóquio acontecerá em 24 de julho e o encerramento em 9 de agosto de 2020.

View Comments (0)

Leave a Reply

Your email address will not be published.

© 2018-2020 Agência Olímpica.