COB diminui delegação para ‘preservar a saúde’ dos atletas em Tóquio

Data:

Rio de Janeiro, Brasil – O Comitê Olímpico do Brasil (COB) emitiu um comunicado nesta sábado (10) informando que vai cancelar três programas olímpicos para “preservar a saúde e a integridade física dos atletas qualificados para Tóquio 2020”.

Os programas Embaixadores, Vivência Olímpica e Família Olímpica não serão realizados como planejados para esta edição olímpica. Os dois primeiros levariam ao Japão ex-atletas olímpicos e jovens atletas com a finalidade de proporcionar palestras e interação com o Time Brasil.

- Advertisement -

Já o Família Olímpica levaria os presidentes das confederações esportivas para acompanharem suas modalidades, além de estarem próximos às suas Federações Internacionais.

A medida gerará uma redução de pelo menos 100 brasileiros na delegação.

O COB também decidiu diminuir a presença de diretores da entidade. Além dos integrantes da Missão, representarão o COB apenas o presidente, Paulo Wanderley, e o CEO, Rogério Sampaio.

Os Jogos Olímpicos de Tóquio, que foram adiados em um ano por causa da pandemia do novo coronavírus, serão realizados entre 23 e julho e 8 de agosto de 2021.

- Advertisement -
Gabriel Lima
Gabriel Lima
Gabriel Lima é jornalista, formado pela Universidade Federal do Pará. Já participou da cobertura dos Jogos Olímpicos da Juventude em Buenos Aires, 2018. Na ocasião, esteve responsável pelas notícias e atualizações da ginástica artística.

Compartilhe

Recentes