Tóquio 2020 inaugura primeira instalação olímpica

O comitê de Tóquio 2020 entregou a Sea Forest Waterway, que sediará as competições de remo, caiaque e canoagem

Tóquio 2020 já começa a entregar as primeiras instalações que serão usadas nas competições do ano que vem. Neste domingo, 16, uma cerimônia foi realizada na orla da cidade para marcar a conclusão da Sea Forest Waterway, local que será palco das disputas de remo, canoagem e caiaque na Olimpíada de 2020.

O curso foi construído nos canais entre as áreas de recuperação central e externa da Baía de Tóquio e tem aproximadamente 2.300 metros de comprimento por 200 metros de largura.

Há cerca de 2.000 lugares para espectadores no local, que será aberto ao público como área de recreação após os jogos. Ele acomodará cerca de 16.000 pessoas durante as Olimpíadas, somadas as arquibancadas temporárias e espectadores em pé.

A governadora da capital japonesa, Yuriko Koike, em seu discurso de abertura, afirmou que “gostaria que (o local) se tornasse o pináculo asiático dos esportes aquáticos”.

O presidente da Federação Internacional de Sociedades de Remo (FISA), Jean Christophe Rolland, também esteve presente na solenidade e disse que, em sua primeira visita ao local, ele não podia imaginar o canal Central Breakwater transformado em um local olímpico de classe mundial.

Leia também

Comente esta notícia

Seu endereço de email não será publicado.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Ao continuar usando este site, você concorda com a utilização de cookies. AceitarLeia mais