Ruta Meilutyte pode ficar fora da Olimpíada de Tóquio 2020

Data:

FINA deu prazo de 12 dias para Meilutyte apresentar justificativa. Ela pode pegar suspensão de 12 a 24 meses

Ruta Meilutyte, lituana campeã olímpica dos 100m peito em Londres 2012, pode ficar fora da próxima edição dos Jogos, em Tóquio, ano que vem. Ela perdeu três testes antidoping e pode ser suspensa por até 24 meses.

De acordo com uma declaração no site da Federação Lituana de Natação, Meilutyte assumiu total responsabilidade pelos testes perdidos.

- Advertisement -

Ela afirma ter preenchido incorretamente seu endereço.

Os agentes responsáveis pelos exames declararam incapacidade de contato com a nadadora em três ocasiões diferentes: em 22 de abril, em 19 de agosto de 2018 e em 28 de março deste ano.

A Federação Internacional de Natação (FINA) deu um prazo de 12 dias para a atleta fornecer um relatório explicando a ausência nos testes.

Kristina Jagminiene, diretora da Agência Antidoping da Lituânia, disse que foi um “erro vergonhoso” de Ruta, uma nadadora com “histórico limpo”.

Em 2015, Meilutyte criticou publicamente a rival Yulia Efimova, dizendo à BBC que ela não a via mais como uma “concorrente honesta” depois da suspensão da Federação Russa por doping.

Desde que deixou o Reino Unido depois da Olimpíada do Rio de Janeiro, Meilutyte passou a treinar na Lituânia e, posteriormente, na Austrália. Atualmente, encontra-se nos Estados Unidos.

- Advertisement -
Gabriel Lima
Gabriel Lima
Gabriel Lima é jornalista, formado pela Universidade Federal do Pará. Já participou da cobertura dos Jogos Olímpicos da Juventude em Buenos Aires, 2018. Na ocasião, esteve responsável pelas notícias e atualizações da ginástica artística.

Compartilhe

Recentes