Halterofilista russa é suspensa por quatro anos por doping

Data:

Nadezhda Lomova é a 31º halterofilista russa sancionada por doping desde os Jogos Olímpicos de Pequim, na China, em 2008

Em mais um caso de doping envolvendo a Rússia, a Federação Internacional de Halterofilismo (IWF) suspendeu a levantadora de peso Nadezhda Lomova por quatro anos. A sanção é aplicada desde 21 de março de 2019. O motivo não foi especificado pela entidade.

Em abril deste ano, a IWF anunciou a suspensão temporária de Lomova por violação das regras antidoping, informando que traços de acetato de metenolona haviam sido encontrados em suas amostras de sangue. Agora, o órgão decidiu suspendê-la até 21 de março de 2023.

- Advertisement -

Nadezhda Lomova é vice-campeã europeia do levantamento de peso, na categoria até 63kg. Ela é a 31º halterofilista russa sancionada por doping desde os Jogos Olímpicos de Pequim, na China, em 2008.

- Advertisement -
Gabriel Lima
Gabriel Lima
Gabriel Lima é jornalista, formado pela Universidade Federal do Pará. Já participou da cobertura dos Jogos Olímpicos da Juventude em Buenos Aires, 2018. Na ocasião, esteve responsável pelas notícias e atualizações da ginástica artística.

Compartilhe

Recentes