Olimpíadas de 2026 serão na Itália ou Suécia

Logos Oficiais das Camapnhas paras as Olimpíadas de Inverno de 2026

O Comitê Olímpico Internacional (COI) confirmou que as candidaturas para sediar as Olimpíadas de 2026 serão um esforço em conjunto entre as cidades italianas de Milão e Cortina d’Ampezzo e as suecas Estocolmo e Åre

Os comitês enviaram os livros das candidaturas hoje, prazo final, ao COI. As garantias do governo, a principal preocupação pendente sobre as duas propostas, inicialmente foram consideradas ausentes dos dois arquivos, mas o Comitê Olímpico Nacional Italiano (CONI) afirmou ter recebido o apoio necessário ontem. A extensão das garantias do governo italiano, que originalmente se recusou a firmar a oferta, ainda não está clara.

O Comitê Olímpico Sueco (SOK) afirma que a maioria do Conselho da Cidade de Estocolmo está por trás da candidatura conjunta das duas cidades. O anúncio ocorre após uma reforma do governo local, quando, em outubro, o Partido Verde e as partes da Aliança de centro-direita se uniram e declararam que a cidade não sediaria os Jogos, o que levou a temores de que a SOK teria que se retirar.

Continua após o anúncio

“Com estes dois países esportivamente tradicionais como candidatos, vemos o impacto muito positivo das reformas da Agenda Olímpica 2020”, disse o membro romeno do COI, Octavian Morariu, presidente da Comissão Avaliadora de 2026.

“Ambos os países têm vasta experiência na organização de Copas do Mundo e Campeonatos Mundiais, com infra-estrutura existente e operadores experientes. Isso permitiu que os candidatos reduzissem o investimento necessário e aumentassem a sustentabilidade de seus projetos”, acrescentou.

Em média, as cidades candidatas de 2026 usarão 80% dos locais existentes ou temporários, em comparação com 60% entre os candidatos para as Olimpíadas de Inverno de 2018 e 2022. Além disso, os custos operacionais iniciais dos Jogos projetados pelas cidades são em média 20 por cento (aproximadamente 400 milhões de dólares) mais baixos do que os dos dois processos anteriores de candidatura.

Em um comunicado, o COI afirmou que os nomes das candidaturas “refletem os projetos e o uso máximo dos tradicionais locais de esportes de inverno”.

Comentários (0)

Leave a Reply

Your email address will not be published.

© 2018-2020 Agência Olímpica.