Nathalie Moellhausen perde na semi e repete resultado de Toronto 2015

Nathalie Moellhausen perde na semi e repete resultado de Toronto 2015

A esgrimista brasileira Nathalie Moellhausen chegou aos Jogos Pan-americanos de Lima embalada pela título mundial que conquistou em Budapeste, há três semanas. Toda a confiança e moral, no entanto, não foram suficientes para garantir um resultado melhor que o de 2015, quando foi bronze no Pan de Toronto.

Nesta quarta-feira (7), a brasileira chegou à semifinal, mas foi derrotada pela americana Katherine Holmes. Como não há disputa de terceiro lugar, assim como no tênis de mesa, Nathalie ficou com o bronze. Holmes é adversária antiga de Nathalie. Em Toronto 2015, ela também eliminou a brasileira na semifinal.

“Claro que queria ter ganhado, tenho um pouco de amargura por isso. Mas, ao mesmo tempo, estou feliz a nível pessoal por ter mantido a concentração e não ter relaxado depois do campeonato mundial. Eu joguei bem hoje. Ainda não entendo direito o jogo dela. Sabia que ia ser um combate meio difícil. Ainda tenho que entender como jogar contra ela”, explicou Nathalie.

A esgrima brasileira vive um jejum de 52 anos em Jogos Pan-americanos. As mulheres nunca conquistaram uma medalha de ouro, e os homens levaram pela única e última vez em WinningPeg 1967, com Arthur Ribeiro na espada.

Comentários (0)

Leave a Reply

© 2018-2020 Agência Olímpica.

Rolar para cima