Turma da Mônica entra na torcida pelo Brasil nos Jogos Olímpicos Tóquio 2020

Comitê Olímpico do Brasil anunciou a parceria em evento que celebrou a marca de um ano para os Jogos

A Turma da Mônica vai engrossar a torcida pelo Brasil nos Jogos Olímpicos Tóquio 2020. A um ano da abertura da Olimpíada, o Comitê Olímpico do Brasil (COB) e Mauricio de Sousa Produções anunciaram, na Japan House, em São Paulo, na noite desta quarta-feira, 18, uma parceria para que Mônica, Cebolinha, Magali, Cascão e tantos outros personagens admirados por milhares de brasileiros estrelem ações de marketing com os integrantes da delegação brasileira no Japão.

“A Mônica, o Cebolinha, a Magali, o Cascão e todos os outros personagens da Turma da Mônica vão entrar na torcida do Time Brasil, assim como muitos outros torcedores brasileiros da idade deles ou mais velhos. É um orgulho muito grande fazer parte do Brasil nos Jogos Olímpicos Tóquio 2020”, disse Mauricio de Sousa.

Turma da Mônica entra na torcida pelo Brasil nos Jogos Olímpicos Tóquio 2020

“A parceria com a Turma da Mônica é uma forma do COB se aproximar ainda mais da torcida brasileira. Os personagens de Mauricio de Sousa atravessam gerações e é isso que o Time Brasil representa: a união de todos por um só objetivo”, disse Manoela Penna, diretora de Comunicação e Marketing do COB.

Além da parceria com Mauricio de Sousa Produções, o COB apresentou detalhes de suas operações no Japão durante os Jogos e da Casa Brasil, projeto para o qual o Comitê Olímpico está em busca de parceiros. Com aproximadamente mil metros quadrados, a Casa Brasil ficará na região de Ariake, uma área nobre dos Jogos, muito perto dos locais de competição de vôlei, skate, tênis e ginástica. O conceito é mostrar o melhor do Brasil e levar a alegria brasileira para os Jogos.

“Essa noite foi um grande marco para o COB. Conseguimos mostrar aos convidados o trabalho que há muito tempo estamos fazendo para dar toda a estrutura necessária aos nossos atletas durante os Jogos Olímpicos. A parceria e os projetos apresentados aqui são uma prova da credibilidade que o COB alcançou ao trabalhar baseado nos pilares de transparência, meritocracia e austeridade”, disse Paulo Wanderley Teixeira, presidente do COB.

PUBLICIDADE

Últimas notícias

LEIA TAMBÉM