Daniel Chaves faz índice olímpico na Maratona Londres

O fluminense Daniel Chaves, o único brasileiro no grupo de elite da competição, terminou em 15º lugar na Maratona de Londres, na manhã deste domingo (28), na Inglaterra. Ele obteve a marca de 2:11:10, assumindo a liderança do ranking brasileiro e ratificou os índices para o Pan-Americano de Lima e para o Mundial de Doha (ele tinha 2:13:16). O resultado é índice olímpico (2:11:30), segundo lista da IAAF, mas a Confederação Brasileira de Atletismo ainda vai divulgar seus critérios para Tóquio 2020.

O queniano Eliud Kipchoge, campeão olímpico, mundial e recordista mundial (2:01:39), manteve a sua hegemonia na prova. Ele quebrou o recorde da competição, com 2:02:37, tornando-se o primeiro atleta a vencer quatro vezes a maratona. O britânico Mo Farah, bicampeão olímpico dos 5.000 e 10.000 m, terminou em quinto lugar, com 2:05:39.

Já na Maratona de Hamburgo, na Alemanha, os etíopes dominaram. Tadu Abate (2:08:25) foi o campeão do masculino, enquanto Dibabe Kuma (2:24.41) venceu no feminino.

Simone Ponte Ferraz foi a brasileira mais bem colocada na competição. Ela ficou em 17º lugar, com 2:38:35. Já Adriana Aparecida da Silva terminou em 24º, com 2:42:44, no feminino.

No masculino, Wellington Bezerra da Silva completou os 42,195 km em 18º, com 2:13:34. Paulo Roberto de Almeida Paula ficou em 23º, com 2:14:34, e Wagner Silva, em 35º, com 2:19:14.

Comentários (0)

Leave a Reply

© 2018-2020 Agência Olímpica.

Rolar para cima