Italiano e catariano desistem do desempate e dividem o ouro no salto em altura

O italiano Gianmarco Tamberi empatou com Mutaz Essa Barshim, do Catar, e ambos dividirão o lugar mais alto do pódio do salto em altura masculino nas Olimpíadas de Tóquio. Num acordo de cavalheiros, os dois optaram por não continuar a disputa.

O saltador italiano foi à loucura com a conquista da medalha de ouro na manhã deste domingo, no Estádio Olímpico de Tóquio. A marca foi de 2,37m. Não houve medalhista de prata. O bronze ficou com Maksim Nedasekau, de Belarus, que alcançou a mesma altura, mas perdeu no desempate de outros saltos.

A medalha teve gosto especial para Tamberi, de 29 anos, que não pôde competir na Rio-2016 depois de sofrer uma grave lesão na perna. Mutaz Essa Barshim, por sua vez, conseguiu o ouro após uma medalha de bronze em Londres 2012 e uma prata no Brasil.

https://twitter.com/JDNalton/status/1421816167220617219

Recentes