Daniel Dias é bronze e chega a 25ª medalha em Paralimpíadas

Nadador fez grande prova nos 100m livre da classe s5 e ainda tem mais três provas individuais para disputar na Paralimpíada

Tóquio, Japão – Na manhã desta quarta-feira (25), Daniel Dias conquistou sua 25ª medalha paralímpica. O atleta encerrou os 200m livre S5 em 2:38.61 e ganhou a medalha de bronze, sua quarta na carreira. O ouro ficou com o italiano Francesco Bocciardo, e a prata com o espanhol Antone Ponce Bertran.

Com a medalha, Daniel consegue uma façanha: desde as Paralimpíadas de 2008 ele sobe consecutivamente ao pódio. São 14 ouros, sete pratas e quatro bronzes em sua trajetória esportiva, que se encerrará agora no Japão.

“Independentemente do que acontecer na piscina, em casa sou medalha de ouro. Só tenho a agradecer a Deus por tudo o que me deu, por tudo o que já conquistei nesse esporte, por ter essa família linda”, disse.

Daniel é o nadador masculino mais premiado na história das Paralimpíadas. Só uma mulher tem mais pódios do que ele: a norte-americana Trischa Zorn – levando em conta apenas atletas que disputaram exclusivamente provas de natação; a israelense Zipora Rosenbaum tem 30 pódios paralímpicos, mas também competiu no atletismo, basquete em cadeira de rodas e tênis de mesa.

Foi a quarta medalha do país no dia. Antes de Daniel, Gabriel Bandeira levou o ouro nos 100m borboleta da classe S14, Gabriel Araújo foi prata nos 100 costas da classe S2 e Phelipe Rodrigues terminou em terceiro nos 50m livre da classe S10.

Recentes