Estado de emergência em Tóquio não tem relação com a Olimpíada, afirma Bach

Lausanne, Suíça – O chefe do COI, Thomas Bach, se mostrou favorável à ideia do governo japonês de decretar um novo estado de emergência em Tóquio. Ele, no entanto, nega qualquer relação com os Jogos Olímpicos.

Em coletiva após reunião do Conselho, Bach disse que a decisão é uma resposta pró-ativa apropriada ao período da Semana Dourada, conjunto feriados nacionais celebrado entre o fim de abril e início de maio.

“Se o governo central e o governo metropolitano de Tóquio decidirem adotar esta metida, estou absolutamente de acordo”, disse ele.

“Este (estado de emergência) está absolutamente de acordo com a política geral do Governo, mas não está relacionado aos Jogos Olímpicos”, declarou Bach.

O COI e o comitê organizador japonês têm trabalhado para sediar os Jogos de Tóquio em julho, após o adiamento de um ano por causa da pandemia de coronavírus.

Com milhares de novos casos resultantes de cepas altamente infecciosas do novo coronavírus, o primeiro-ministro Yoshihide Suga disse que o Governo pretende decidir nesta semana se declara estado de emergência para grandes áreas do país.

O Japão tem evitado até agora a rápida disseminação da pandemia que assola muitos países ocidentais, com cerca de 540 mil casos e pouco menos de 10 mil mortes.

Recentes