Vice-presidente do COI, Anita DeFrantz diz que entidade ainda não decidiu o futuro de Tóquio 2020

Santa Mônica, Estados Unidos – A vice-presidente do Comitê Olímpico Internacional (COI), a estadunidense Anita DeFrantz, disse nesta segunda-feira (23) que ainda não recebeu nenhuma confirmação sobre qualquer adiamento da Olimpíada de Tóquio.

O anúncio foi feito horas depois do ex-presidente da Agência Mundial Antidoping (Wada) e decano do COI, Dick Pound, afirmar que uma decisão a respeito da postergação do evento já foi tomada.

“Se for esse o caso, você está sabendo mais do que a vice-presidente do Comitê Olímpico Internacional”, dise DeFrantz, por telefone, ao jornalista Philip Hersh. “Isto, sim, seria uma novidade para mim”.

DeFrantz, medalha de bronze no remo na Olimpíada de 1976, faz parte do conselho executivo da entidade e participou de uma teleconferência no último domingo (22) para discutir sobre um possível adiamento da competição, que está marcada para começar em 24 de julho próximo.

Na tarde de hoje, o USA Today publicou uma matéria afirmando que a Olimpíada de Tóquio não vai começar na data prevista, segundo informações do canadense Pound.

“Não falo oficialmente pelo COI, mas já estou aqui há tempo suficiente para entender o discurso do COI”, disse Pound, referindo-se ao que a organização disse no domingo sobre avaliar todos os cenários possíveis.

“Mais informações sobre isso ainda não foram determinadas, mas os Jogos não vão começar no dia 24 de julho, pelo que eu sei”.

No final do mês passado, Dick Pound já havia se manifestado sobre o futuro da Olimpíada e Paralimpíada deste ano. Ele afirmou que maio seria a data-limite para o anúncio de uma decisão. Esta afirmação acabou gerando críticas de membros da entidade, como o presidente da comissão de Tóquio 2020, John Coates.

“O COI não reconhece nenhuma data que Dick inventou. Tudo começa no dia 24 de julho”.

“Nunca foi uma posição do COI. Isso é ideia de Dick”, acrescentou ele sobre o prazo aparente. “Ainda faltam quatro meses”.

A Olimpíada de Tóquio está programada para ocorrer de 24 de julho a 9 de agosto e os Jogos Paraolímpicos de 25 de agosto a 6 de setembro.

Recentes