Artigo atual
Membro do JOC, Kaori Yamaguchi defende que a Olimpíada seja adiada

Membro do JOC, Kaori Yamaguchi defende que a Olimpíada seja adiada

Tóquio, Japão – Membro do conselho do Comitê Olímpico do Japão (JOC), Kaori Yamaguchi disse que as Olimpíadas de Tóquio devem ser adiadas porque os atletas não conseguem se preparar adequadamente devido à pandemia de coronavírus, informou o jornal Nikkei nesta quinta-feira (19).

O Comitê Olímpico Internacional (COI) e os organizadores de Tóquio 2020 disseram repetidamente que os Jogos de Tóquio, que devem começar em 24 de julho, ocorrerão conforme programado. No entanto, a disseminação do coronavírus e os sucessivos cancelamentos de eventos e qualificações levantaram dúvidas sobre os planos, inclusive entre os atletas.

Yamaguchi, que ganhou uma medalha de judô nos Jogos de Seul em 1988, foi citada pelo jornal dizendo que a insistência do COI em realizar os Jogos como programados colocaria os atletas em risco.

Ela disse que planeja levantar isso em uma reunião do conselho do JOC marcada para 27 de março.

“Pelo que posso ver nas notícias dos Estados Unidos e da Europa, os atletas não estão em uma posição em que possam continuar seu treinamento como de costume”, disse ela.

Outros funcionários do JOC não quiseram comentar o assunto.

Um membro do COI chamou o grupo de “irresponsável” por insistir em realizar os Jogos como programado, enquanto vários atletas disseram que a decisão do COI coloca a saúde dos atletas em risco.

As Olimpíadas de Tóquio ocorrerão de 24 de julho a 9 de agosto.

Comentários (0)

Leave a Reply

Your email address will not be published.

© 2018-2020 Agência Olímpica.