Alexandre Rocha é quarto no Aberto do Chile e pontua para o ranking olímpico

Seis atletas representaram o Brasil no torneio chileno, que aconteceu de 18 a 21 de abril

Alexandre Rocha foi o grande destaque entre os brasileiros no 93º Aberto do Chile, disputado de 18 a 21 de abril no Club de Golf Mapocho. O resultado rendeu a Rocha pontos nos rankings mundial e olímpico, que serão atualizados nesta segunda (22), na busca por uma vaga nos Jogos de Tóquio 2020. Rafa Becker foi outro brasileiro de destaque, terminando no T27.

Rocha esteve entre os primeiros colocados em todos os dias, anotando 65 tacadas na primeira volta. No segundo dia, com atraso por conta de neblina, o brasileiro terminou liderando, após conseguir 67 tacadas. A terceira volta acabou ficando no par, com 71, mas na última volta Rocha voltou a crescer e fechou com 67, novamente, totalizando 270 tacadas, -14.

“O vento por trás estava traiçoeiro e o atraso por conta da neblina também não ajudou, mas joguei muito bem. Consegui dois birdies em buracos que não esperava, mas também sofri com o vento em outros que deveria ter feito pelo menos par. Mas o importante foi que entendi bem o campo”, disse Rocha, após o segundo dia.

Já Becker teve dois dias muito bons, com 68 e 67 tacadas, mas perdeu rendimento na terceira e na quarta volta, quando fez 71 e 72, somando 278, -6. O campeão da etapa foi o americano John Somers, que anotou 265 (68, 65, 67, 65), -19.

Outros brasileiros no Aberto do Chile

O Brasil teve ao todo seis golfistas no torneio chileno, com destaque para Herik Machado, que fez sua estreia como profissional. Além dele, participaram da competição Felipe Navarro, Rodrigo Lee e Gustavo Teodoro, mas os quatro não conseguiram passar o corte, que ficou em -3 tacadas.

O resultado completo está aqui.

PUBLICIDADE

Últimas notícias

LEIA TAMBÉM