O país que desistiu de disputar o 1° Mundial de ginástica artística porque era inferior aos concorrentes

Data:

O que hoje conhecemos como Campeonato Mundial de ginástica artística foi realizado pela primeira vez em 1903, na Antuérpia, Bélgica, sob o nome Torneio Internacional de Ginástica, e organizado pela antiga Bureau des Fédérations Européennes de Gymnastique – que se tornou, anos depois, a Federação Internacional de Ginástica (FIG).

Naquela ocasião, participaram da disputa quatro países – Bélgica, França, Luxemburgo e Países Baixos -, embora sete nações estivessem inscritas na competição. Entre elas, uma que assumidamente desistiu de competir após ver o nível de um de seus rivais.

- Advertisement -

Antes, vamos relembrar como foi esta histórica primeira edição, realizada em conjunto com o 27º Festival Federal Belga, entre 14 a 18 de agosto de 1903, que contou apenas com provas masculinas.

O hoje nomeado Campeonato Mundial de ginástica artística de 1903 foi idealizado por Nicholas J. Cupérus (Bélgica), Charles Cazalet (França) e Karel Muller (Holanda), presidentes das mais respeitadas federações de ginástica da Europa àquela época. Cupérus, inclusive, foi o primeiro presidente da FIG – cargo que ocupou por 43 anos.

Com cinco medalhas de ouro, o francês Joseph Martinez foi essencial para colocar seu país em 1º lugar no quadro de medalhas. A qualidade da França era inquestionável e foi isso que levou um de seus adversários a desistir do torneio.

Além dos já mencionados Luxemburgo, Países Baixos, Bélgica e França, Antuérpia 1903 recebeu inscrições de ginastas da Noruega, Hungria e Itália. Este último chegou a viajar para a Bélgica, mas após ver os ginastas franceses preferiu não disputar o torneio, como relata a FIG em um documento sobre o centenário da entidade, publicado em 1981.

“A seleção italiana veio, mas após observar a absoluta superioridade dos franceses, os italianos optaram por assistir à competição como espectadores”.

Dessa forma, a Itália deixou de fazer parte da revolucionária primeira edição do Campeonato Mundial de ginástica artística.

- Advertisement -
Gabriel Lima
Gabriel Lima
Gabriel Lima é jornalista, formado pela Universidade Federal do Pará. Já participou da cobertura dos Jogos Olímpicos da Juventude em Buenos Aires, 2018. Na ocasião, esteve responsável pelas notícias e atualizações da ginástica artística.

Compartilhe

Recentes