notícia e opinião sobre esporte

Seleção de nado artístico, Isaquias Queiroz e Erlon Souza desembarcam em Lima

A quinta-feira, dia 25, reservou um encontro especial no aeroporto de Lima entre as meninas do nado artístico e os medalhistas olímpicos da canoagem velocidade, Isaquias Queiroz e Erlon Souza. Os atletas do Time Brasil chegaram no início da tarde, conversaram e posaram juntos para fotos, além de falarem sobre as expectativas de cada modalidade para os Jogos Pan-Americanos Lima 2019.

“A competição vai ser muito importante para nós, porque serve como preparação para o Mundial da Hungria, no mês que vem. Quanto mais competirmos em alto nível, melhor será a nossa performance. E queremos chegar bem ao Mundial, quando disputaremos a vaga olímpica”, afirmou Erlon Souza, prata no C2 1.000m em Guadalajara 2011 e Toronto 2015.

As disputas de canoagem velocidade têm início neste sábado, 27 de julho, e vão até terça, 30. Logo no primeiro dia, Erlon e Isaquias brigarão por medalhas no C2 1.000m. Já no nado artístico, as rotinas técnicas de dueto e equipe estão marcadas para o dia 29, enquanto as rotinas livres serão realizadas em 31 de julho.

“Pessoalmente, estou muito animada com essa competição. É o meu primeiro Pan e ainda estou ao lado da minha irmã, que sempre foi uma inspiração para mim. Vamos em busca de um bom resultado, uma boa pontuação”, disse Laura Micucci, 19 anos, inscrita no dueto com Luisa Borges e integrante da equipe brasileira, com a irmã Duda.

Após o encontro, cada delegação seguiu caminhos diferentes. Enquanto os canoístas, acompanhados do técnico Lauro Souza Júnior, viajaram para a cidade de Huacho, a 160km de Lima, as meninas do nado seguiram para a Vila Pan-Americana, pois as provas acontecem no Centro Aquático de Videna.

Leia também

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Ao continuar usando este site, você concorda com a utilização de cookies. AceitarLeia mais