Artigo atual
Seleção brasileira feminina de basquete viaja para o pré-olímpico na Europa

Seleção brasileira feminina de basquete viaja para o pré-olímpico na Europa

Seleção brasileira feminina de basquete viaja para o pré-olímpico na Europa

Rio de Janeiro, Brasil – Em busca de uma vaga nos Jogos Olímpicos de Tóquio, a seleção brasileira feminina de basquete viajou nesta segunda-feira (27) para a Europa, onde disputará o pré-olímpico da modalidade. A competição está marcada para ocorrer entre 6 e 9 de fevereiro em Bourges, na França.

Antes do torneio, entretanto, o time do técnico José Neto desembarca em Belgrado, na Sérvia, onde ficará concentrado e fará um jogo amistoso no dia 3 de fevereiro. No dia 4, viaja com direção à cidade francesa.

Campeã com a seleção nos Jogos Pan-americanos de Lima 2019, a ala Raphaella Monteiro disse que o grupo está motivado e confiante na classificação, apesar das dificuldades.

“Viajamos motivadas, sabendo que fizemos uma excelente preparação no Brasil, e também que vamos dar sequência na Europa antes da estreia no Pré-Olímpico, inclusive com o amistoso contra a Sérvia, que será importante. Estamos confiantes em fazer um ótimo torneio e conseguir a vaga para o Brasil, apesar das dificuldades”.

Seleção brasileira feminina de basquete viaja para o pré-olímpico na Europa
Seleção Brasileira de basquete feminino conquista o ouro nos Jogos Pan-Americanos de Lima 2019 em final contra os EUA. Foto: ©Pedro Ramos/ rededoesporte.gov.br

O técnico José Neto definiu no último domingo (26) o grupo para o pré-olímpico. Ao todo, 13 atletas estarão na Europa. Damiris, Erika e Clarissa se encontram com o grupo por lá. As novidades ficam por conta da pivô Carolina e da armadora Alana. Lesionada, a pivô Nádia Colhado não pôde participar dessa etapa de treinos, assim como a pivô Stephanie Soares, com compromissos universitários nos Estados Unidos.

O Brasil estreia no dia 6 de fevereiro, contra Porto Rico, a partir das 14h de Brasília. Em seguida, encara a França, no dia 8. Na despedida, o país pega a Austrália. As três melhores seleções garantem vaga nos Jogos Olímpicos de Tóquio.

Caso a seleção conquiste a vaga, será a oitava participação seguida do país no torneio feminino olímpico de basquete. A primeira foi em Barcelona 1992, quanto terminou na sétima posição. O melhor resultado do país em Jogos Olímpicos foi em 1996, quando perdeu a disputa do ouro para os Estados Unidos.

Comentários (0)

Leave a Reply

Your email address will not be published.

© 2018-2020 Agência Olímpica.