Brasileiros melhoram posições no ranking mundial da ITTF

Data:

Enquanto Hugo Calderano segue no Top 10, oito brasileiros sobem na nova lista da Federação Internacional de Tênis de Mesa

Na manhã desta segunda-feira (3), o Brasil registrou mais um resultado importante no novo ranking mundial divulgado pela Federação Internacional de Tênis de Mesa (ITTF). Oito atletas do país melhoraram suas posições na lista, sendo que três deles atingiram o patamar mais alto de suas carreiras. São os casos de Eric Jouti (60º), Bruna Takahashi (62ª) e Lin Gui (87ª).

Outros três brasileiros também estão bem próximos de suas melhores colocações. Gustavo Tsuboi é o 35°, duas posições atrás do ranking registrado em 2014. Vitor Ishiy, 115° do mundo, precisa ganhar apenas um posto para igualar seu recorde, obtido no início desta temporada. Thiago Monteiro subiu para 69°, posição que não alcançava há muitos anos. Seu melhor ranking foi em 2008, na 59ª colocação.

- Advertisement -

Quem mais subiu entre todos os brasileiros foi Caroline Kumahara, que participou no último mês dos Abertos da Sérvia, da Croácia e da Eslovênia. Ela pulou do 544° lugar para a 286ª posição.

Hugo Calderano, por sua vez, segue reinando absoluto entre os brasileiros. Ele é o oitavo, mesma colocação do mês anterior, e já acumula 12 meses consecutivos no Top 10 mundial.

Confira o ranking dos atletas brasileiros:

FEMININO

62ª Bruna Takahashi (69ª no ranking anterior)

87ª Lin Gui (99ª no ranking anterior)

144ª Jéssica Yamada (160ª no ranking anterior)

286ª Caroline Kumahara (544ª no ranking anterior)

MASCULINO

8º Hugo Calderano (8º no ranking anterior)

35º Gustavo Tsuboi (37º no ranking anterior)

60º Eric Jouti (68º no ranking anterior)

69º Thiago Monteiro (71º no ranking anterior)

115º Vitor Ishiy (131º no ranking anterior)

278º Humberto Manhani (270º no ranking anterior)

864° Danilo Toma (863º no ranking anterior)

- Advertisement -
Gabriel Lima
Gabriel Lima
Gabriel Lima é jornalista, formado pela Universidade Federal do Pará. Já participou da cobertura dos Jogos Olímpicos da Juventude em Buenos Aires, 2018. Na ocasião, esteve responsável pelas notícias e atualizações da ginástica artística.

Compartilhe

Recentes