Brasil defende na Rússia o título Mundial por Equipes no beach tennis

Atual campeã do torneio, a seleção brasileira entra em ação amanhã, 3 de julho, contra a Polônia

Começa nesta terça-feira em Moscou, na Rússia, o Campeonato Mundial por equipes no beach tennis. A competição deverá ser uma prévia do que o Brasil vai encontrar nos Jogos Mundiais de Praia, de 12 a 16 de outubro, em Doha, no Catar. A estreia desta vez é contra a Polônia, em jogo programado para a quarta-feira, 3, já em caráter eliminatório.

O capitão Alex Mingozzi convocou Rafaella Miiler, 1ª do ranking mundial feminino, Joana Cortez, 7ª, e Marcela Vita, 11ª, além de Vinicius Font, 9º do ranking masculino, Thales Santos, 16º, e André Baran, 18º. Cada confronto prevê a disputa de até três partidas: uma de duplas masculinas, outra de duplas femininas e, havendo necessidade, um jogo de duplas mistas.

“Nós tivemos um sorteio muito parecido com o ano passado, inclusive enfrentando a Polônia na estreia. Se avançarmos, ainda temos Espanha e França no caminho, assim como foi em 2018. Estamos satisfeitos com o sorteio, mas a gente sabe que são todas partidas muito difíceis. Vamos nos preparar para enfrentar um adversário de cada vez”, afirma Alex Mingozzi.

A competição, realizada no Moscou Tennis Center, o centro de treinamento Rússia, também reúne os melhores jovens para a disputa do Mundial Juvenil por equipes. O sorteio definiu o Brasil no Grupo 3, ao lado de Espanha e Polônia. A estreia da equipe nacional é na quarta-feira, contra o perdedor do primeiro duelo ente os europeus. Apenas uma equipe se classifica para a semifinal.

“Acredito que nossa seleção está preparada para enfrentar a chave que pegou. O nível dos juvenis, pelo que presenciamos aqui, está bem equiparado com as outras equipes. O nível da competição vem crescendo a cada ano”, destaca o capitão Juca Russo.

No ano passado, a seleção brasileira juvenil terminou o mundial na terceira colocação.

PUBLICIDADE

Últimas notícias

LEIA TAMBÉM