Sesc RJ e Sada Cruzeiro abrem a sétima rodada do returno da Superliga masculina de vôlei

Sesc RJ recebe o líder Sada Cruzeiro nesta quinta-feira

Rio de Janeiro, Brasil – A sétima rodada do returno da Superliga Banco do Brasil masculina de vôlei 2019/2020 terá início nesta quinta-feira (20) com um super duelo. O Sesc RJ, terceiro colocado na tabela de classificação, irá atuar em casa e receberá o líder Sada Cruzeiro (MG) no ginásio Tijuca Tênis Clube, às 20h.

O time carioca soma 38 pontos, com 13 vitórias e quatro derrotas na tabela. O Sada Cruzeiro tem 44 pontos, depois de 15 resultados positivos e um negativo. A equipe mineira está com um jogo a menos, já que a partida contra o Fiat/Minas (MG), pela sexta rodada do returno, foi adiada para o dia 26 de fevereiro devido a participação no Sul-Americano de Clubes – competição onde o time cruzeirense conquistou o título no último sábado (15.02).

Depois de jogar por sete temporadas no Sada Cruzeiro, o oposto Wallace conhece bem o hoje adversário e sabe que seu atual time, Sesc RJ, não terá facilidades.

“Conheço muito bem o time deles, mas, como toda equipe, tem um ponto fraco e o deles não é diferente. Vamos tentar explorar isso ao máximo, da mesma forma que eles vão fazer com a nossa equipe. Vai ser um jogo difícil, como sempre é contra o Sada Cruzeiro, mas não impossível”, disse Wallace.

E, para isso, alguns pontos são considerados fundamentais pelo campeão olímpico para que o time carioca busque a vitória nesta quinta-feira.

“Temos que ser bem regulares para ganhar de uma equipe como a deles, pelas qualidades que eles têm. Eles não ganham à toa. Não podemos dar mole em momento algum, nem baixar a guarda porque isso vai fazer a diferença para buscarmos a vitória. A regularidade e reduzir ao máximo o número de erros vai nos ajudar”, afirmou Wallace.

Pelo lado do Sada Cruzeiro, o outro oposto campeão olímpico, Evandro, destaca a importância desta partida para o seu time.

“O jogo contra o Sesc RJ vem logo após um campeonato bem importante e pegado e agora temos que trocar o chip para sair do Sul-Americano de Clubes para voltar para a Superliga Banco do Brasil. Esse é um jogo muito importante para o nosso time e queremos nos manter na primeira colocação, manter o bom momento do time e estamos bem focados”, disse Evandro.

O atacante ainda complementou: “Tivemos uma folga pequeno depois do Sul-Americano e treinamos bastante, nos dedicamos, exatamente por causa desse jogo”, afirmou Evandro.

Também nesta quinta-feira serão disputados outros quatro jogos pela sétima rodada do returno da Superliga Banco do Brasil 19/20. O Sesi-SP jogará com o Fiat/Minas (MG), às 19h, na Vila Leopoldina, São Paulo (SP) com exibição do Globoesporte.com.

As demais partidas acontecem às 20h e terão transmissão do Canal Vôlei Brasil. Em Blumenau (SC), a Apan Blumenau (SC) receberá o América Vôlei (MG), no Galegão. A equipe do Ponta Grossa Vôlei (PR) enfrentará o Denk Academy Maringá Vôlei (PR), na Arena Multiuso. E o EMS Taubaté Funvic (SP) terá pela frente o Vôlei Renata (SP), no Abaeté.

A partida entre Pacaembu/Ribeirão Preto (SP) e Vôlei UM Itapetininga (SP) encerrará a rodada no sábado (22.02), às 20h30, na Cava do Bosque, em Ribeirão Preto (SP). O jogo terá transmissão do SporTV 2.

Comentários (0)

Leave a Reply

© 2018-2020 Agência Olímpica.

Rolar para cima