Bia Haddad vira e garante primeira vitória no quali de Wimbledon

Bia Haddad vira e garante primeira vitória no quali de Wimbledon

A número um do Brasil agora precisa de mais duas vitórias para alcançar a chave principal do torneio na grama inglesa

A paulista Bia Haddad Maia levou um susto em sua estreia no qualificatório de Wimbledon. Cabeça de chave 17, ela saiu perdendo para a argentina Paula Ormaechea, mas depois conseguiu se recuperar e virou a partida, vencendo por 2 sets a 1, com o placar final de 6/7 (4-7), 6/4 e 6/2, em 2h14 de confronto.

Na segunda rodada, Bia medirá forças com a alemã Anna Zaja, de 28 anos e atual 201 do mundo, que derrotou a francesa Myrtille Georges também em três sets, com parciais de 7/6 (7-5), 6/7 (3-7) e 6/3. Será a segunda vez que a brasileira enfrentará a germânica, que levou a melhor no outro embate entre elas, no quali de Stuttgart em 2017.

Bia tenta disputar a chave principal de Wimbledon pela segunda vez, tendo estreado no torneio em 2017, conquistando lá sua primeira vitória da carreira em Grand Slam. Depois disso, ela ficou de fora da competição em 2018 e agora busca novamente um lugar na grama do All England Club.

A canhota paulista teve a única chance de quebra no primeiro set, não a aproveitou e acabou se dando mal no tiebreak, perdendo por 7-4 para Ormaechea. Na segunda parcial, Bia salvou três break-points no quinto game e desperdiçou outros três no oitavo, mas no décimo conseguiu a quebra que empatou o jogo.

No terceiro e decisivo set, a brasileira mostrou firmeza e dominou as ações. Depois de abrir 5/1 com duas quebras, ela perdeu o saque no sétimo game, quando teve seu primeiro match-point. Logo em seguida, nos serviços de Ormaechea, Bia teve mais duas chances de fechar a partida e na segunda sacramentou a vaga na segunda rodada.

Comentários (0)

Leave a Reply

© 2018-2020 Agência Olímpica.

Rolar para cima