Australian Open 2023: Rafael Nadal pega chave forte e pode fazer final contra Novak Djokovic

Data:

Melbourne, Austrália – Atual campeão do Australian Open, o espanhol Rafael Nadal escapou de ter o sérvio Novak Djokovic no seu lado da chave, mas isso não quer dizer que sua campanha neste ano em Melbourne promete ser tranquila. Logo na estreia ele terá pela frente um grande desafio com o ascendente britânico Jack Draper, que está nas semifinais do ATP 250 de Adelaide 2.

Se passar pelo canhoto de 21 anos e atual 40 do mundo, Nadal terá um norte-americano pela frente, enfrentando o vencedor do duelo de compatriotas entre Brandon Nakashima e Mackenzie McDonald. Na terceira rodada, o espanhol pode ter um pouco de refresco contra o japonês Yoshihito Nishioka, cabeça de chave 31, mas nas oitavas o nível fica ainda mais alto.

- Advertisement -

Os dois mais cotados para cruzar com Rafa na quarta fase são o norte-americano Frances Tiafoe, contra quem o espanhol já fez quartas de final no Australian Open de 2019, e o russo Karen Khachanov.

Uma rodada pra frente, o canhoto de Mallorca pode encarar o russo Daniil Medvedev, atual vice-campeão do torneio. Além dele, outros nomes de peso que estão em seu caminho em uma eventual quartas de final são o do canadense Denis Shapovalov, do polonês Hubert Hurkacz e do norte-americano Sebastian Korda.

Terceiro mais bem cotado ao título, Stefanos Tsitsipas é o principal obstáculo para Nadal na semi. O grego estreia contra o francês Quentin Hallys e não deve ter trabalho até as oitavas, quando devem surgir pela frente o italiano Lorenzo Musetti ou o também italiano Jannik Sinner, este último que abrirá campanha em jogo duro com o britânico Kyle Edmund.

Ainda neste quadrante de Tsitsipas, com quem ele pode cruzar nas quartas, está o canadense Felix Auger-Aliassime, sexto pré-classificado, que abre contra o compatriota Vasek Pospisil e logo em seguida deve encarar o suíço Stan Wawrinka. Nas oitavas, podem vir o argentino Francisco Cerundolo e nas oitavas o britânico Cameron Norrie ou o croata Borna Coric.

- Advertisement -
Gabriel Lima
Gabriel Lima
Gabriel Lima é jornalista, formado pela Universidade Federal do Pará. Já participou da cobertura dos Jogos Olímpicos da Juventude em Buenos Aires, 2018. Na ocasião, esteve responsável pelas notícias e atualizações da ginástica artística.

Compartilhe

Recentes