Roger Federer conhece adversários em Wimbledon

  • A estreia de Federer será contra o francês Andrian Mannarino, contra quem já jogou seis vezes e venceu todas, duas delas na grama de Wimbledon

Londres, Inglaterra – Se em Roland Garros o suíço Roger Federer caiu no mesmo lado de Novak Djokovic e de Rafael Nadal, em Wimbledon a situação foi bem diferente. O espanhol sequer foi para o torneio e o sérvio caiu no outro lado da chave, deixando o veterano da Basileia como o único representante do Big 3 na parte de baixo.

A estreia de Federer será contra o francês Andrian Mannarino, contra quem já jogou seis vezes e venceu todas, duas delas na grama do All England Club, nas quais o suíço passou sem sustos em sets diretos. O ex-número 1 do mundo perdeu apenas um dos 16 games que disputou contra seu primeiro oponente em Wimbledon.

Embora esteja em um momento de dúvidas sobre o que pode fazer na competição, o suíço teve um sorteio interessante e seu maior obstáculo para chegar às oitavas é o local Cameron Norrie, cabeça de chave 29. Mesmo nas oitavas o espanhol Pablo Carreño e o Italiano Lorenzo Sonego parecem não ser ainda um enorme desafio para Federer.

Só mesmo se chegar nas quartas é que Federer terá trabalho, podendo então encarar Daniil Medvedev, segundo pré-classificado, que tem uma estreia complicada contra o alemão que voleia Jan-Lennard Struff. O russo ainda pode cruzar com o jovem espanhol Carlos Alcaraz na segunda rodada, com o croata Marin Cilic na terceira e com o búlgaro Grigor Dimitrov nas oitavas.

Quem também está na parte de baixo da chave e tem tudo para encarar Federer ou Medvedev em na semi é o alemão Alexander Zverev, que abre campanha contra o quali holandês Tallon Griekspoor e pode encarar depois uma sequência de norte-americanos, com Tennys Sandgren na segunda rodada e Taylor Fritz na terceira.

Nas oitavas, os favoritos para cruzarem com Sascha são o canadense Felix Auger-Aliassime, que estreia contra o cearense Thiago Monteiro, e o francês Ugo Humbert, que tem um enorme desafio na primeira rodada contra o australiano Nick Kyrgios. Já nas quartas, o principal nome é do italiano Matteo Berrettini, com John Isner e Aslan Karatsev correndo por fora e ainda a possibilidade de mais um duelo com Kei Nihikori no ano.

Comentários (0)

Leave a Reply

© 2018-2020 Agência Olímpica.

Rolar para cima