Top 40, Daniel Evans surpreende e Novak Djokovic perde a primeira do ano

  • O britânico eliminou o sérvio em sets diretos, com parciais de 6/4 e 7/5, em batalha de 2h08.
Em jogo atípico, Djokovic cai para top 40 e perde a primeira do ano

Monte Carlo, Mônaco – Acabou nesta quinta-feira a invencibilidade do sérvio Novak Djokovic na temporada. O improvável responsável por isso foi o britânico Daniel Evans, que de maneira surpreendente derrubou o líder do ranking em sets diretos, com parciais de 6/4 e 7/5, em batalha de 2h08.

A partida começou de uma forma estranha, com Evans levando uma advertência de tempo por ter demorado demais para entrar em quadra para disputar o primeiro ponto. Mas quem demorou a entrar em jogo foi Djokovic, que errou demais nos primeiros games, levou duas quebras seguidas e viu o britânico abrir 3/0 e saque.

Foi então que o número 1 do mundo iniciou a recuperação, devolveu um dos breaks já no quarto game e no oitavo conseguiu a igualdade. Porém, quando tudo indicava uma crescente de ‘Nole’ na partida, ele voltou a perder o saque para o britânico, que fez 5/4 e serviu para fechar o set, abrindo 1 a 0 no terceiro set-point que teve.

Djokovic novamente esboçou reação no começo da segunda parcial e chegou a marcar 3/0 com uma quebra de frente. Só que os erros continuaram a assolar o número 1 do mundo, que teve o break devolvido no quinto game. Ainda assim, o sérvio conseguiu um set-point quando Evans sacava em 4/5, mas não aproveitou a oportunidade.

A chance desperdiçada custou caríssimo para o sérvio, que em seguida perdeu o saque mais uma vez. Evans então confirmou os serviços no game seguinte e selou a vitória. O britânico terminou a partida com 21 bolas vencedoras contra 28 de Djokovic, mas descontou nos erros não forçados, cometendo 22 contra 45 do líder do ranking.

Comentários (0)

Leave a Reply

© 2018-2020 Agência Olímpica.

Rolar para cima