Schwartzman diz que atitudes de Djokovic fazem ele ser menos querido

Buenos Aires, Argentina – Assim como muitos jogadores têm feito, o argentino Diego Schwartzman usou sua conta no Instagram em uma live na noite da última sexta-feira (8), em que abordou um tema complexo e tentou explicar o porquê de o sérvio Novak Djokovic não ter tantos fãs quanto o suíço Roger Federer e o espanhol Rafael Nadal.

Para o atual número 13 do mundo é tudo uma questão de atitude. “Federer e Nadal são, além de dois tenistas incríveis, jogadores com um comportamento perfeito na quadra. Parece quase inacreditável que, durante 20 anos, houve tão poucas situações em que eles se irritam em quadra. Às vezes acontece com os árbitros, mas é raro”, analisou.

“Djokovic tem uma personalidade diferente, parece mais humano na quadra, mostra mais emoções e os fãs não gostam tanto disso. Além disso, acaba sendo normal que os fãs de Nadal e Federer não gostem muito do sérvio”, complementou o pequenino argentino, que enfrentou Nole quatro vezes e perdeu todas, a última delas nas oitavas do Australian Open deste ano.

 

Comentários (0)

Leave a Reply

© 2018-2020 Agência Olímpica.

Rolar para cima