Ultimate magazine theme for WordPress.

Roger Federer volta a rebater críticas de ambientalistas

"Quando ajudo alguém sou criticado por não estar fazendo o mesmo pelos outros", disse o tenista suíço

Basileia, Suíça – Mais uma vez o suíço Roger Federer falou sobre a cobrança que recebeu de um grupo de ativistas que lutam contra as mudanças climáticas. Em janeiro desse ano ele teve seu nome citado em uma campanha promovida com a hashtag #RogerWakeUpNow por causa do apoio que recebe do Credit Suisse, que recentemente vem recebendo inúmeras críticas por continuar investindo muito dinheiro em empresas que promovem combustíveis fósseis.

“Credit Suisse está destruindo nosso planeta. Roger, você os apoia?”, indagou um dos ativistas através das redes sociais. Federer já havia comentado o assunto dias depois e agora voltou a tocar nesse ponto em entrevista ao Tages Anzeiger.

“Às vezes usam mal minha imagem para certos propósitos. Quando ajudo alguém sou criticado por não estar fazendo o mesmo pelos outros. Cheguei em um ponto em que tenho que pensar muito bom no que faço. Mas também tenho que saber lidar com as críticas. Não posso estar em todos os lugares, não consigo fazer tudo. Também sou pai e tenista”, disse o suíço.

Federer fez questão de reforçar sua preocupação com o meio-ambiente. “Tenho consciência de que posso fazer a diferença chamando a atenção para certas coisas, mas não posso fazer isso o tempo todo. Levo bem a sério os impactos e a ameaça que traz as mudanças climáticas. Vi com minha família toda a devastação que os incêndios causaram na Austrália”, falou o atual número 3 do mundo.

Leia também

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Ao continuar usando este site, você concorda com a utilização de cookies. AceitarLeia mais