Artigo atual
Hugo Calderano triunfa em estreia e vai à terceira fase em Budapeste

Hugo Calderano triunfa em estreia e vai à terceira fase em Budapeste

Hugo Calderano triunfa em estreia e avança à fase de 32

Calderano é o único dos mesatenistas brasileiros que segue vivo no torneio em Budapeste

O brasileiro Hugo Calderano, sétimo do mundo, venceu duas partidas nesta terça-feira (23) pelo Campeonato Mundial de tênis de mesa, em Budapeste, na Hungria, e se garantiu na terceira fase.

No primeiro desafio, o carioca derrotou o argentino Horacio Cifuentes, número 100 no ranking da ITTF, por 4 a 2, com parciais de 11/6, 9/11, 15/13, 11/7, 7/11 e 11/1. Em seguida, venceu o japonês Kazuhiro Yoshimura (50º) pelo mesmo placar, com 11/7, 14/12, 7/11, 10/12, 11/5 e 11/8.

Com as duas vitórias, o brasileiro já repetiu o seu melhor desempenho na competição, alcançado na edição passada, em 2017.

“O segundo jogo foi muito difícil. Comecei ganhando por 2 a 0, mas sabia que ele poderia voltar a qualquer instante. Então, mantive minha concentração. Ele passou a jogar melhor, mas consegui me adaptar. O jogo dele é bem agressivo na recepção, tem uma esquerda muito forte”, explicou Hugo, que destacou ainda a sua evolução da primeira para a segunda partida do dia.

“Joguei muito melhor, em todos os aspectos. Meu saque estava melhor, estava mais agressivo, melhor fisicamente. Fiquei satisfeito com minha evolução nesse jogo”, completou.

O próximo desafio do brasileiro será contra o indiano Sathiyan Gnanasekaran (28º), nesta quarta-feira. Caso avance, ele terá pela frente nas oitavas o vencedor do duelo entre o chinês Ma Long (12º), atual bicampeão mundial, e o bielorrusso Vladimir Samsonov (19º).

Quatro brasileiros se despedem

Os outros quatro mesatenistas brasileiros deixaram o torneio individual nesta terça-feira. Thiago Monteiro fez uma partida com belas jogadas e muito equilibrada contra o português Marcos Freitas. Teve a oportunidade de matar pelo menos dois sets em que deixou a vitória escapar e acabou derrotado por 4 a 1 (10/12, 10/12, 11/9, 11/13 e 8/11).

Vitor Ishiy começou mal o duelo com o francês Can Akkuzu, tentou a reação, mas acabou batido por 4 a 1 (4/11, 7/11, 8/11, 11/7 e 10/12). Gustavo Tsuboi foi superado pelo romeno Cristian Pletea, por 4 a 0 (5/11, 8/11, 7/11 e 5/11). Por fim, Lin Gui perdeu para a japonesa Hitomi Sato, por 4 a 0 (3/11, 5/11, 3/11 e 5/11).

Calderano, Jouti e Bruna vencem e avançam no Mundial de Budapeste

Comentários (0)

Leave a Reply

Your email address will not be published.

© 2018-2020 Agência Olímpica.