Leila Pereira: “Largo o Palmeiras e vou para o Flamengo, que dá mais visibilidade”

Data:

A presidente do Palmeiras e da Crefisa, Leila Pereira, ameaçou romper com o maior vencedor do Campeonato Brasileiro de futebol, em 2015. Naquela ocasião, o clube e a financeira entraram em discordância por conta de uma camisa comemorativa.

Leila, então, disse que “para continuar assim, eu largo o Palmeiras e vou para o Flamengo, que dá mais visibilidade”.

- Advertisement -

O que aconteceu:

  • A Adidas queria reeditar uma camisa comemorativa do clube e procurou a direção do Palmeiras para acertar detalhes.

  • Leila Pereira, que ficou sabendo após um e-mail do assessor do clube, revoltada afirmou que “isso é uma falta de lealdade, falta de escrúpulo com o patrocinador”.

  • Naquela época, Crefisa e Faculdade das Américas (FAM), da qual Leila também era presidente, eram dois dos três patrocinadores do clube no qual haviam investido $ 100 mi.

  • “Não vamos aceitar. Se a Adidas lançar qualquer camisa que não seja com o atual patrocinador, o contrato da Crefisa e FAM com o Palmeiras estará rompido”, ameaçou.

Claro que a troca de clubes não ocorreu e, em 20 de novembro de 2021, ela foi a 40ª presidente da história do Palmeiras, sendo a primeira mulher na história.

- Advertisement -
Gabriel Lima
Gabriel Lima
Gabriel Lima é jornalista, formado pela Universidade Federal do Pará. Já participou da cobertura dos Jogos Olímpicos da Juventude em Buenos Aires, 2018. Na ocasião, esteve responsável pelas notícias e atualizações da ginástica artística.

Compartilhe

Recentes