Clubes não liberam jogadoras e Brasil vai desfalcado ao Pan de Santiago 2023

Data:

A Seleção feminina de vôlei não vai contar jogadoras de dois importantes clubes brasileiros nos Jogos Pan-Americanos de Santiago 2023. Nesta segunda-feira (10), a Confederação Brasileira de Vôlei anunciou que o Itambé Minas e o Osasco não liberam suas atletas convocadas para a disputa do torneio na capital chilena.

Desta forma, a levantadora Kenya e a ponteira Maira, do Osasco, a oposta Kisy e a central Julia Kudiess, do Minas, foram cortadas.

- Advertisement -

A entidade deixou claro na nota que o pedido de dispensa partiu dos dois clubes. “A CBV agradece aos clubes que – apesar das dificuldades do calendário -, liberaram seus atletas para representar o Brasil nos treinamentos das seleções feminina e masculina que visam a disputa dos Jogos Pan-Americanos de Santiago 2023″.

Agora, Paulo Coco vai precisar formar a lista final de 12 convocadas com as 15 peças que tem à disposição.

Lista de convocadas para os treinos visando o Pan de Santiago (vôlei feminino)

LEVANTADORAS
Naiane (Dentil/Praia Clube)
Carol Leite (Barueri)

OPOSTAS
Tainara (Dentil/Praia Clube)
Edinara (Sesi Bauru)
Sabrina (Sesc RJ Flamengo)

PONTAS
Maiara Basso (Sesi Bauru)
Helena (Sesc RJ Flamengo)
Talia (Barueri)
Aline Segato (Barueri)

CENTRAIS
Jussara (Unilife Maringá)
Lorena (Sesi Bauru)
Larissa (Barueri)
Luzia (Barueri)

LÍBEROS
Laís (Sesc RJ Flamengo)
Lelê (Fluminense)

Os Jogos Pan-Americanos de Santiago começam no próximo dia 20 de outubro, com a disputa do vôlei feminino começando no dia seguinte.

- Advertisement -
Gabriel Lima
Gabriel Lima
Gabriel Lima é jornalista, formado pela Universidade Federal do Pará. Já participou da cobertura dos Jogos Olímpicos da Juventude em Buenos Aires, 2018. Na ocasião, esteve responsável pelas notícias e atualizações da ginástica artística.

Compartilhe

Recentes