Maria Sharapova planeja jogar o US Open

Após lesão, Maria Sharapova planeja jogar o US Open

Em entrevista a Eurosport, a russa de 32 anos afirmou que espera se recuperar logo para jogar o Aberto dos Estados Unidos

Após abandonar a partida de estreia de Wimbledon, nesta terça-feira, 2, a russa Maria Sharapova já planeja o retorno às quadras. A ex-número 1 do mundo disse ao canal Eurosport que espera competir no Aberto dos Estados Unidos, que deve acontecer entre 26 de agosto e 8 de setembro.

“Eu senti uma dor no meio do segundo set e isso me impediu fisicamente e emocionalmente”, disse Sharapova. Eu teria deixado a partida imediatamente se fosse um torneio de nível diferente, mas este é Wimbledon e eu tentei fazer todo o possível (para continuar).”

O Campeonato de Wimbledon de 2019 acontece entre 1 e 14 de julho no All England Lawn Tennis and Croquet Club em Wimbledon, Londres, e oferece $ 49,4 milhões em prêmios em disputa.

“Eu preciso passar por MRT [tomografia por ressonância magnética] agora”, disse ela. “Depois de me recuperar, espero jogar nos torneios de Cincinnati e Toronto, bem como no Aberto dos EUA.”

Sharapova, que completou 32 anos em abril deste ano, é a tenista mais condecorada da Rússia, tendo conquistado um total de cinco torneios de Grand Slam: o Aberto da Austrália em 2008, o Aberto da França em 2012 e 2014, Wimbledon em 2004 e o Aberto dos EUA em 2006. também ganhou a prata nos Jogos Olímpicos de Verão de 2012 em Londres e foi o campeão da Copa das Federações de 2008.

Em 2018, Sharapova competiu em 11 torneios de tênis, incluindo quatro eventos Grand Slam. Seus melhores resultados na temporada passada foram as semifinais dos torneios na capital chinesa de Shenzhen e na capital da Itália, Roma.

Comentários (0)

Leave a Reply

© 2018-2020 Agência Olímpica.

Rolar para cima