Jannik Sinner salva match-point, força quinto set e derrota Pierre Herbert na estreia em Roland Garros

Paris, França – Jogador que sempre se motiva quando joga em casa, o francês Pierre Herbert ficou bem perto de surpreender o garoto italiano Jannik Sinner na primeira rodada de Roland Garros. Ele chegou ao match-point no final do quarto set, mas não confirmou e viu o adversário reagir e anotar as parciais finais de 6/1, 4/6, 6/7(4-7), 7/5 e 6/4.

Cabeça 18 do Grand Slam, algo inédito em sua curta carreira, Sinner fará agora duelo todo italiano diante de Gianluca Mager, de 26 anos e atual 87º mundo, que ganhou seu primeiro jogo desse nível em três tentativas ao derrotar o alemão Peter Gojowczyk, por 6/2, 3/6, 6/4 e 7/5. Gojowczyk entrou de última hora no lugar de John Millman e Mager ficou surpreso com a mudança, avisado já dentro de quadra, e reclamou muito com a juíza.

Sinner começou o jogo muito bem, obtendo logo quebra, e jamais teve seu saque ameaçado. Mas quando obteve a primeira quebra no terceiro game do set seguinte, Herbert se animou. Sempre muito ofensivo, forçou o saque e subidas à rede, apoiado pelo pequeno mas barulhento público local.

Chegou a abrir 5/2 no terceiro set antes de Sinner empatar e depois liderar o tiebreak por 4-3, mas o italiano havia perdido muito da confiança o saque. Assim, ficou contra a parede no quarto set, primeiro safando-se de cinco break-points no oitavo game e depois evitando match-point no décimo. Herbert pareceu sentir a chance perdida, perdeu a precisão no saque e perdeu seis games consecutivos entre o final do quarto set e o início do decisivo, permitindo 2/0 para Sinner.

O italiano manteve-se frio e jamais perdeu mais do que dois pontos em cada serviço até completar a duríssima vitória de 3h35. Herbert anotou 58 winners, 15 a mais que o adversário, porém falhou 62 vezes diante de apenas 36 de Sinner.

Recentes