Home Blog Page 194

Modric vence Bola de Ouro; Neymar é décimo segundo

0

O Croata acabou com a hegemonia de Messi e CR7, que desde 2008 se alternam na primeira posição.

Camisa dez do Real Madrid, o croata Luka Modric, vencedor do FIFA The Best 2018, confirmou o favoritismo também no prêmio Bola de Ouro, da revista France Football, e desbancou o argentino Messi e o português Cristiano Ronaldo, únicos vencedores das dez últimas edições do concurso. Esse resultado já havia sido adiantado pela Sky Sports Itália, que informou também que CR7 não participaria da cerimônia por ter perdido para o vice-campeão do mundo.

Está é a primeira vez, desde 2007, que o prêmio é entregue a um jogador que não seja Messi ou CR7.  Neymar, que atua no Paris Saint-Germain, foi o brasileiro melhor posicionando, ficando em décimo segundo. Griezmann, terceiro colocado, comentou que “é importante estar no pódio. Espero estar no lugar de Modric para o ano”.

Premiação

Ballon d’Or é uma premiação criada em 1956 pela revista francesa France Football. É uma das honrarias futebolísticas mais importantes e respeitadas do mundo. Entre 2010 e 2015 a Bola de Ouro foi entregue em parceria com a FIFA, sob o nome de FIFA Ballon d’Or. Desde 2016, a premiação voltou a ser entregue de maneira independente pela revista.

Abaixo você confere a classificação geral dos 30 indicados.

 JogadorSeleçãoClubePontos
1Luka ModricCroaciaReal Madrid753
2Cristiano RonaldoPortugalJuventus476
3Antonie GriezmannFrançaAtlético de Madrid414
4Kylian MbappéFrançaParis Saint-Germain347
5Lionel MessiArgentinaBarcelona280
6Mohamed SalahEgitoLiverpool188
7Raphaël VaraneFrançaReal Madrid121
8Eden HazardBélgicaChelsea119
9Kevin De BruyneBélgicaManchester29
10Harry KaneInglaterraTottenham25
11N'Golo KantéFrançaChelsea24
12NeymarBrasilParis Saint-Germain19
13Luis SuárezUruguaiBarcelona17
14Thibaut CourtoisBélgicaReal Madrid12
15Paul PogbaFrançaManchester9
16Sergio AgüeroArgentinaManchester7
17Gareth BaleInglaterraReal Madrid6
17Karim BenzemaFrançaReal Madrid6
19Roberto FirminoBrasilLiverpool4
19Ivan RakitićCroaciaBarcelona4
19Sergio RamosEspanhaReal Madrid4
22Edinson CavaniUruguaiParis Saint-Germain3
22Sadio ManéSenegalLiverpool3
22MarceloBrasilReal Madrid3
25Alisson BeckerBrasilLiverpool2
25Mario MandzukicCroaciaJuventus2
25Jan OblakEslovêniaAtlético de Madrid2
28Diego GodinUruguaiAtlético de Madrid1
29IscoEspanhaReal Madrid0
29Hugo LlorisFrançaTottenham0

Seleção feminina já tem primeira competição do ano pré-agendada

As meninas do Brasil deverão participar do Trofeo Città di Jesolo nos dias 2 e 3 de março de 2019, na Itália.

O ano de 2019 promete ser agitado para a ginástica artística brasileira. Com os Jogos Pan Americanos em julho e o Campeonato Mundial classificatório para as Olimpíadas de 2020 em outubro, os testes para essas grandes competições devem começar cedo.

A seleção brasileira consta na lista dos dez países participantes da décima segunda edição do Troféu da Cidade de Jesolo, Itália, que terá também Estados Unidos, China, Itália, Romênia, Bélgica, Holanda, Alemanha, Austrália e Rússia. Até o momento, nenhuma das nações confirmou participação no torneio, mas é provável que todas estejam presentes, já que é uma competição de grande popularidade entre os fãs do esporte e .

Na última edição da competição, o Brasil conquistou quatro medalhas: três pratas (Equipes, Indivigual Geral e Trave) e um ouro (Solo).

Serviço

A competição de 2019 será realizada nos dias 2 e 3 de março, respectivamente, sábado e domingo. O primeiro dia é destinado às competições por equipes e Individual Geral (AA) das atletas adultas e juvenis, enquanto que o segundo dia será de finais por aparelhos. A competição não tem transmissão do Brasil, já que os direitos autorais do evento pertecem à FloSport, que transmitem via FloGymnastics.

Conmebol esclarece dúvidas sobre ingressos

0

Cada equipe terá direito a 25 mil ingressos, porém apenas 5 mil será destinado para residentes na Argentina. São 72 mil ingressos ao todo.

A Conmebol, organizadora do maior torneio de clubes da América do Sul, publicou em seu site as informações sobre como se dará a distribuição e a venda de ingressos para a final da Libertadores da América entre Boca Juniors e River Plate, marcada para o dia 9 de dezembro no Estádio Santiago Bernabéu, em Madrid, Espanha.

A entidade esclareceu que os 5 mil ingressos destinados aos torcedores residentes na Argentina serão repassados aos clubes e comercializados por estes. Cada equipe deverá enviar, posteriormente, uma lista com os nomes e os respectivos números do DNI (cédula de identidade argentina) de cada comprador. Os outros 40 mil ingressos serão vendidos online, através do site da Conmebol, a partir das 17h (BRST) do dia 2 e seguem até às 15h do dia 4 de dezembro para os torcedores do River Plate. Do dia 4 ao dia 6, no mesmo horário, os torcedores do Boca Juniors poderão adquirir suas entradas. Cada pessoa poderá comprar até 4 ingressos.

As outras 22 mil entradas serão destinadas aos patrocinadores, instituições e ao público em geral – pessoas não filiados a nenhum dos dois clubes finalistas.

ClubeArgentinosOnlineOnline/PatrocínioTotal
Boca Juniors5.00020.00025.000
River Plate5.00020.00025.000
Conmebol22.00022.000
72.000

Todas as informações estão disponíveis no site da Conmebol, acesse.

Juventus vence Fiorentina pelo Campeonato Italiano

Cristiano Ronaldo marcou seu décimo gol vestindo a camisa da Juventus, que venceu a partida por 3 a 0.

A Juventus venceu a Fiorentina por 3 a 0 na partida deste sábado (1) pela 14º rodada do Campeonato Italiano, no estádio Artemio Franchi, em Florença. Ainda invicto, a Juve abriu o placar com Rodrigo Bentancur, aos 31 do primeiro tempo; Giorgio Chiellini marcou o segundo e CR7 fechou o placar, marcando o terceiro aos 79 minutos com um gol de pênalti.

Esta é a 13º vitória do time de Turim, das 14 partidas jogadas, tendo empatado com o Genoa na 9º rodada. Com esses números, lidera a competição com 40 pontos, 11 a mais que o segundo colocado, o Napoli (tabela abaixo). Essa rodada termina segunda-feira e muita coisa ainda pode mudar na classificação, já que os principais times ainda não entraram em campo nessa fase.

ClubePtsPJVITEDGPGCSG
Juventus4014131031823
Napoli2913922261313
Inter2813913251015
Lazio231372419154
Milan221364322175

Cristiano Ronaldo não participará do Bola de Ouro 2018

A Sky Sport revelou que CR7 não participará da cerimônia de entrega do prêmio Bola de Ouro 2018, agendada para a próxima segunda-feira (3) em Paris, França. A rede esportiva italiana revelou também que Ronaldo perdeu o título para o croata Luka Modrić e este seria o motivo de sua ausência na premiação. O  francês Antoine Griezmann ficou em terceiro lugar.

River Plate diz que não jogará em Madrid

0

Clube argentino emitiu nota se recusando a jogar final da Libertadores no Santiago Bernabéu.

O River Plate, que disputa com o Boca Juniors o título da Libertadores da América, emitiu um comunicado à imprensa neste sábado, afirmando que “jogar em Madrid nem pensar”. O clube alega, entre outras coisas, que mudar o local do evento é um desrespeito com os mais de 66 mil torcedores que já haviam adquirido ingressos para a final que aconteceria dia 24 de novembro. A Conmebol decidiu transferir a final do torneio para a capital espanhola após o ataque ao ônibus do River e o confronto entre as torcidas finalistas no dia do segundo jogo da final.

No documento publicado no site oficial do clube, o River cita ainda que os ataques aconteceram num perímetro fora do espaço em que o esquema de segurança estava sendo organizado pelo clube mandante e defendem que o segundo jogo deve acontecer na Argentina, mesmo sendo sede da reunião do G20 – uma das justificavas usadas pela organizadora para tirar o jogo do país.

Apesar da entidade responsável pelo torneiro não ter se manifestado ainda, o presidente da FIFA, Gianni Infantino, afirmou que “a Libertadores pertence à Conmebol e não ao River Plate” e reitera: “É para jogar”. O segundo jogo da final da Taça Libertadores da América está marcado para o dia 9 de dezembro no estádio do Real Madrid, às 17h30, horário de Brasília.

Brasil define atletas para Hangzhou 2018

0

Seleção brasileira de natação enviará 20 atletas para disputar o Mundial em Piscina Curta, que acontecerá em Hangzhou, China.

A Confederação Brasileira de Desportos Aquáticos já inscreveu os nadadores brasileiros que disputarão o próximo Mundial em Piscina Curta, evento realizado bianualmente desde 1993, que este ano ocorrerá em Hangzhou, China, entre os dias  11 a 16 de dezembro.

Apesar de ser um evento esnobado por importantes seleções, como a Grã-Bretanha, o Brasil enviará seus principais atletas para competir na China. A atual campeã mundial dos 50 metros costa, Ethiene Medeiros, e o campeão olímpico dos 50 metros livre em Pequim, 2008, César Cielo, constam na lista de atletas que em embarcará para o país asiático no começo do mês que vem. Abaixo você confere a lista completa:

NomeSexoIdade
Caio PumputisM19
Brandonn AlmeidaM21
Daiene DiasF29
Nicholas SantosM38
João Gomes JuniorM32
Larissa OliveiraF25
Leonardo Coelho SantosM23
César CieloM31
Felipe Lima
M33
Diego PradoM28
Breno CorreiaM19
Manuella LyrioF29
Marcelo ChierighiniM27
Etiene MedeirosF27
Guilherme GuidoM31
Luiz Altamir MeloM 22
Fernando SchefferM20
Leonardo de DeusM 27
Guilherme BassetoM21
Matheus SantanaM22

O Brasil teve um desempenho bem aquém do esperado na última edição da competição, realizada em Windsor, Canadá. A seleção verde-amarelo, que, em 2014, havia conquistado o primeiro lugar no quadro de medalhas, com 10 medalhas (7 de ouro), em 2016 terminou apenas na 13º posição, com um ouro, uma prata e um bronze.

Ryan Lochte tem habeas corpus negado pelo STF

0

Lochte mentiu, em 2016, ao afirmar que foi assaltado por dois homens durante os Jogos Olímpicos.

O nadador estadunidense Ryan Lochte, seis vezes campeão olímpico e 17 vezes campeão do mundo, teve o pedido de habeas corpus negado pelo ministro do Supremo Tribunal Federal Luís Robero Barroso. O nadador foi processado pelo Ministério Público do Rio de Janeiro e é réu na ação movida por falsa comunicação de crime, após relatar à imprensa internacional que foi assaltado durante os Jogos Olímpicos do Rio, em agosto de 2016. Mais de dois anos depois, nada foi resolvido.

Na ocasião, Lochte afirmou que ele e dois amigos foram abordados por dois homens, que os ameaçaram com uma arma, na volta para a vila olímpica, após participarem de uma festa. O trio teve seus pertences roubados e a dupla fugiu logo após cometer o suposto crime, segundo a versão dada por Lochte à NBC. No entando, a investigação da Delegacia Especial de Apoio ao Turista da Polícia Civil mostrou que o nadador e seus amigos mentiram, pois os três estavam em outro lugar no horário em que relataram terem sofrido o crime.

No dia seguinte à falsa acusação, Lochte retornou aos Estados Unidos e, posteriormente, com a polícia apresentando provas de que tudo era uma farsa, pediu desculpas, afirmando que foi “imaturo” e “deveria ter sido mais cuidadoso e sincero”. Apesar de tudo, Lochte afirmou que não mentiu, mas “exagerou”. A defesa do nadador alega que ele não pode ser acusado por um crime que não cometeu, “já que a polícia teve conhecimento do ocorrido através da imprensa e não por por uma acusação formal feita por ele”.

Após a confusão, Lochte perdeu todos os seus patrocínios e foi suspenso por dez meses pelo Comitê Olímpico Estadunidense. O prejuízo destas sanções foi estimado em mais de 10 milhões de reais, segundo a Forbes.

Ex campeão mundial de patinação, Javier Fernández anuncia aposentadoria

O espanhol, bicampeão mundial, anunciou que se aposentará em janeiro.

Javier Fernández, 27, anunciou que deixará as competições definitivamente após a próxima edição do Campeonato Europeu de Patinação Artística, que acontecerá entre os dias 21 e 27 de janeiro de 2019 em Minsk, Bielorússia. Fernández é o atleta espanhol mais bem sucedido na modalidade, tendo sido o primeiro a conquistar uma medalha em Jogos Olímpicos.

Em entrevista, Javier afirmou que “vai parar de competir, mas não de patinar” e que pretende “contribuir com o esporte, não como competidor mas como uma pessoa dedicada a modalidade”. Ele deixa o esporte com um total de 9 medalhas conquistadas nas principais competições da patinação no gelo: seis ouros em Campeonatos Europeus, dois títulos mundiais e um bronze nos Jogos Olímpicos de Pyeongchang, 2018. Esse número pode ainda aumentar, caso ele conquiste uma medalha em Minsk.

Nascido em 15 abril de 1991, o madrilenho iniciou no esporte com apenas seis anos, após passar pelo futebol, tênis e hóquei no gelo. Sua primeira participação em um campeonato continental aconteceu na temporada de 2006-2007, na edição de Varsóvia da competição. Javier terminou em 28º. Naquele mesmo, ele participou do Campeonato mundial, no qual terminou em 35º posição. Nos anos seguintes, seu desempenho foi melhorando até que, em 2012, conquistou o primeiro grande título de sua carreira: o ouro no europeu de Sheffield. Meses depois, mais experiente, Javier disputou os Jogos Olímpicos de inverno pela segunda vez. Na ocasião, terminou em quarto liugar, perdendo a medalha de bronze para o cazaque Denis Ten.

A tão desejada medalha olímpica só veio em 2018, em PyeongChang, Coréia do Sul. Javier ficou em terceiro lugar, sendo superado pelos japoneses Yuzuru Hanyu e Shoma Uno, respectivamente, ouro e prata.

 

Simone Biles conquista tetra e quebra recorde mundial

Apesar da queda no salto, a estadunidense conquistou o quarto título no Individual Geral com quase 2 pontos de vantagem.

Simone Biles é considerada o maior nome da ginástica artística dos últimos tempos e mostrou mais uma vez o porque: ela tornou-se a primeira atleta na história da modalidade artística da ginástica a conquistar quatro títulos mundiais no Individual Geral (AA), a prova individual mais nobre dentre as cinco do feminino. Com essa vitória, Biles supera a russa Svetlana Khorkina, com quem estava empatada desde 2015 na primeira posição.

Biles, que já conquistou uma medalha de ouro nesse Campeonato Mundial, acaba de acrescentar mais uma dourada para sua coleção. Apesar da queda no salto e dos erros na trave de equilíbrio, Simone foi capaz de conquistar o primeiro lugar devido ao elevado grau de dificuldade de suas rotinas e dos erros de atletas tidas como favoritas, como a atual campeã do mundo Morgan Hurd.

Brasil

As ginastas Jade Barbosa e Flávia Saraiva foram as representantes do Brasil nessa final. Jade terminou a competição em 15º, enquanto Flávia ficou em 8º, um resultado considerado positivo, já que o Brasil não ficava entre as dez desde 2007, quando Jade conquistou o bronze em Estugarda, Alemanha.

O Mundial de Doha continua amanhã com as finais por aparelhos masculinas e femininas. Para os homens, solo (FX), cavalo com alças (PH) e argolas (SR). As mulheres disputarão salto (VT) e barras assimétricas (UB).